Aplicativo nativo x híbrido

Você acorda e tem a brilhante ideia para um novo negócio. Logo a primeira coisa que vem a sua mente é desenvolver um aplicativo, lançar e conquistar o mundo com ele. Mas você já parou pra pensar que desenvolver um aplicativo é algo complexo e que existem até diferentes tipos de aplicativos?

Como assim?

Muito provavelmente, você irá se deparar com isso quando for fazer orçamento para desenvolver seu aplicativo. Além disso, vai escutar alguns termos como: nativo, híbrido, encapsulado, etc.

Quais são as diferenças então? 

Encapsulado

Um aplicativo encapsulado é uma aplicação web onde colocamos toda essa aplicação dentro de uma casca de aplicativo. Dessa forma, terá o instalador e poderá ser publicado nas lojas.

Vantagens

  • Praticidade e rapidez: é muito rápido de desenvolver e gerar um aplicativo encapsulado;
  • Atualizações instantâneas: pelo fato de ser uma aplicação web, não é preciso ficar subindo novas versões para as lojas, essas atualizações acabam se tornando automáticas com um simples reload dentro do aplicativo.

Desvantagens

  • Bugs: como se trata de uma aplicação web dentro de um aplicativo, acaba tendo muitos bugs como botão de voltar, navegação, layout quebrado, etc;
  • Acesso ao recursos do sistema: esse tipo de aplicativo não consegue ter acesso a recursos como câmera, biblioteca, GPS e tudo mais, pois o sistema operacional entende que seu aplicativo é na verdade um site e acaba não permitindo o acesso. Existem algumas soluções, mas sempre acabam dando dor de cabeça.

Nativo

Um aplicativo nativo é específico para uma plataforma (Android, iOS, etc). Utiliza uma tecnologia específica para aquilo e essa tecnologia tem acesso a todos os recursos que a plataforma pode oferecer de forma simples e sem ter problemas. É como se fosse uma pessoa nativa do Brasil, ela vai estar familiarizada com os costumes, gostos, cultura e linguagem do Brasil.

Vantagens

  • Acesso a todos os recursos da plataforma: câmera, galeria, GPS e outros sem ter que fazer nenhuma adaptação para funcionar corretamente;
  • Resolução de problemas se tornam mais fáceis em um aplicativo nativo, pois será levado em consideração tudo sobre aquela plataforma, sem ter que se preocupar com compatibilidade em outra plataforma, suporte, etc;
  • Melhor para aplicativos complexos como os que necessitam de soluções específicas.

Desvantagens

  • Custo de desenvolvimento maior: se você quer um aplicativo para diversas plataformas, exemplo: Android e iOS, será necessário desenvolver ele nas duas plataformas, então o custo será dobrado;
  • Encontrar mão de obra qualificada se torna mais caro e difícil;
  • Regra de negócio acaba se tornando duplicada: o desenvolvimento da regra de negócio do seu app terá que ser feita nas duas ou mais plataformas que você escolher. Se fosse no híbrido seria desenvolvido apenas uma vez 

Híbrido

Um aplicativo híbrido é um aplicativo que utiliza uma tecnologia híbrida e que consegue ser utilizado em diversas plataformas. Podemos dizer que é tipo um carro flex.

Vantagens

  • Custo de desenvolvimento menor: essa com certeza é uma das maiores vantagens para escolher uma tecnologia híbrida. Pois você pode ter aplicativos para mais de uma plataforma com apenas um desenvolvimento. É perfeito para quem não tem um investimento muito alto e precisa de um aplicativo para mais de uma plataforma;
  • Facilidade para desenvolvimento e muito valor agregado: com menos desenvolvimento, será gerado bem mais valor para seu negócio. Isso impacta também na manutenção e futuras atualizações do aplicativo.

Desvantagens

  • Limitações para usar alguns recursos: algumas tecnologias híbridas tem algumas limitações para acessar recursos nativos;
  • Novos recursos disponibilizados pelos sistemas operacionais, como Android e iOS, acabam demorando um pouco para poder ser desenvolvido para um aplicativo híbrido;
  • Tratamentos no aplicativo para funcionar corretamente: Algumas funcionalidades funcionam diferente ou até não existem em alguma plataforma. Isso tem que ser levado em conta para poder realizar o tratamento;
  • Políticas das lojas: Ao desenvolver um aplicativo híbrido é necessário estar atento às políticas da lojas. Podem ter regras diferentes de uma loja para outra.  

Qual escolher?

Não existe uma solução que servirá para tudo, na hora de escolher a melhor coisa que pode ser feita é explicar tudo o que você deseja no seu aplicativo, se precisa dele em mais de uma plataforma, se tem pouco investimento, se necessita ser offline, etc.

Algo bom é que tecnologias híbridas estão cada vez mais ganhando espaço, ganhando suporte, melhorias e sendo usadas por grandes empresas, como por exemplo a Nubank, que começou a utilizar uma tecnologia híbrida em seu aplicativo, onde certas funcionalidades são feitas pela tecnologia híbrida e outras nativamente. 

E caso tenha ficado interessado nesse assunto, ou até mesmo em desenvolver um app, entre em contato com a Jera.

 

Texto por Vinicius da Silva.